segunda-feira, 18 de julho de 2011

OFICINA DE BRINQUEDOS DE PAPEL E ORIGAMIS ESTORIADOS

Dia 9 de julho ministramos (prof. Liana Tubelo) uma das Oficinas oferecidas pela Secretaria de Educação da Prefeitura de Capão da Canoa às suas professoras itinerantes do mesmo município na brinquedoteca. Esta foi uma das oficinas, além da oficina de jogos em feltro (prof. Andrea Rosa- SMED) e de Jogos Gigantes (prof. Janete Pícoli). Aconteceu na Escola M.E.F. Cícero da Silva Brogni, no sábado.


Participaram da Oficina de Brinquedos de papel e Origamis estoriados 22 professoras que trabalham com séries iniciais em Capão da Canoa. 


Abaixo descreve-se uma das estórias contadas e o vídeo do origami contruído durante a estória.
Também convidamos os visitantes desta página a conhecer outros origamis postados na página brincadeiras e ciência deste mesmo blog. Na página  divulgando eventos do brincar e da educação deste mesmo blog encontra-se o trabalho científico que será apresentado pela prof. Liana Tubelo e prof. Giselle Frufrek no 11° Congresso do Ensino Privado Gaúcho sob o tema Educação e Neurociências: um novo olhar nos dias 20, 21 e 22 de julho de 2011.

video




ORIGAMIS ESTORIADOS


O PINGUIM
O Pinguim (invente um nome com a ajuda das crianças) é um filhote que quer muito subir em uma mont anha bem alta, mas os pinguins adultos dizem que é muito perigoso para ele (primeira dobra triângulo.
Mas um certo dia, quando os pinguins adultos não estão olhando, ele resolve subir uma montanha nevada, muito alta!!
Quando ele chega no alto da montanha, está muito, mas muito frio... então, ele resolve colocar um casaco de frio (2ª dobra).
Como ele é um pinguim prevenido, o casaco é bem longo e pret o. Mesmo muito agasalhado, o frio é intenso e ele encolheu a cabeça, para tentar se esquentar.
Quando ele abaixa a cabeça, o pequeno pinguim se depara com os pés cobertos de neve.
Decide nesse momento chutar a neve ao redor. [Levanta embaixo].
Mas nada adianta e o frio continuou implacável!! Ele se encolhe mais se abraçando (dobra ao meio).
Depois de horas e horas encolhido, o pinguim levanta a cabeça para ver se a neve parou e o frio diminuiu.
Quando ele levanta a cabeça é que se dá conta: “ Frio, mas que frio que nada, eu sou um Pinguim, e não tenho frio, eu vivo na neve!!!” 
Estória extraída da apostila de Irene Tanabe (Origamis estoriados)

Nenhum comentário:

Postar um comentário